EnglishPortugueseSpanish

COMO O AUTOCONHECIMENTO TE AJUDA A ALCANÇAR UMA VIDA MAIS COMPLETA?

Home / Blog / COMO O AUTOCONHECIMENTO TE AJUDA A ALCANÇAR UMA VIDA MAIS COMPLETA?

COMO O AUTOCONHECIMENTO TE AJUDA A ALCANÇAR UMA VIDA MAIS COMPLETA?

 

“Eu não tenho mais a cara que eu tinha. No espelho essa cara já não é minha”, canta Nando Reis. E quantas vezes você não se olha no espelho, pensando: quem é essa pessoa? Bom, é certo que a rotina nos engula mesmo e talvez nem permita que nos olhemos nos olhos e nos reconheçamos. Pois os anos passam tão rápido, as vivências transbordam e, muitas vezes, rola aquela sensação de desconexão porque faltou tempo para entender mais os “o quês” do que os “porquês“. Um porquê gera uma necessidade de explicar, justificar, que nem sempre nos cabe ou depende só da gente. Em contrapartida nos perguntar “o quê”, traz um questionamento mais sereno, algo como: o que de fato estaria por trás dessa situação? Por isso, o autoconhecimento é essencial, como um termômetro vital, aquela ajudinha para se olhar no espelho e, quem sabe, se reconhecer, né?

Somente quando nos conhecemos melhor atuamos com mais presença. Muitas vezes somos guiados pelo nosso inconsciente que, por sua vez, pode ser muito instintivo e defensivo. E não é nada incomum nos autossabotarmos sem prestar a devida atenção, para só perceber bem, bem depois.

Como já dizia o camarada Freud: “Não somos apenas o que pensamos ser. Somos mais: somos também o que lembramos e aquilo o que nos esquecemos. Somos as palavras que trocamos, os enganos que cometemos e os impulsos a que cedemos sem querer”. Ah, os impulsos…

De forma simplista, o que o pai da psicanálise queria dizer é que todas as experiências ficam no inconsciente, mesmo aquelas já esquecidas, e isso tem um impacto muito grande em nossa vida, pois, mesmo sem saber, elas podem vir à tona.

Exemplificando: você já disse algo que, conscientemente, não queria? Já deixou de se candidatar em uma vaga de emprego ou em uma promoção, pois achava que não ia conseguir? Já repetiu os mesmos padrões de comportamento e só depois foi perceber? Desistiu sem ao menos tentar?

É exatamente como o inconsciente funciona. Os traumas ou questões mal resolvidas ficam armazenadas e, quando menos esperamos, acabam surgindo no consciente como uma forma de defesa.

É por isso que o autoconhecimento é fundamental. Ele permite que possamos entender nossas limitações, virtudes, defeitos e que possamos tomar o controle de nossa vida. Somente com o autoconhecimento os padrões repetitivos de comportamento podem ser superados. E isso oferece benefícios não só para a nossa vida pessoal, mas também profissional.

Se você chegou até aqui é porque está, realmente, interessado em mudar sua vida. Ótimo! Um passo muito importante já foi dado. Contudo, o autoconhecimento exige uma alta dose de disposição e práticas. Não pense você, meu car@, que autoconhecimento é uma linha de chegada. Muito pelo contrário. É um ponto de partida. Veja agora algumas práticas importantes para que você comece sua busca. Confira!

PRÁTICAS QUE AJUDAM A CONQUISTAR O AUTOCONHECIMENTO

LEITURA

Os livros são grandes aliados de quem procura o autoconhecimento. Há uma infinidade disponíveis sobre o assunto e que ajudam no processo. Por meio deles, é possível ter conhecimento sobre as limitações do ser humano, entender a maneira como agimos e até tirar lições valiosas.

Alguns livros interessantes para iniciantes são: “Propósito – a coragem de ser quem somos”, de Sri Prem Baba, e “O poder do agora”, de Eckhart Tolle. O primeiro título é uma verdadeira viagem interior que permite uma reflexão importante sobre nossa vida pessoal e coletiva.

Já o segundo se dedica a explicar como nós, seres humanos, passamos a vida relembrando o passado, projetando o futuro e esquecendo de viver o agora. Na obra, o autor traz um manual prático para ajudar as pessoas a serem mais conscientes do poder do agora.

PSICOTERAPIA

Ainda hoje muitas pessoas correm da terapia por conta de algum preconceito, disponibilidade ou preços. Contudo, a psicoterapia, não é algo somente para pessoas com transtornos, é uma ferramenta prática e efetiva para quem busca o autoconhecimento.

A palavra tem poder e dentro de um consultório, estreitando uma relação de confiança com um profissional, ela poderá gerar reflexões, desabafos e insights transformadores.

Ocorre que sozinhos não conseguimos observar as nuances dos nossos comportamentos por conta de uma limitação humana. Por isso, a psicoterapia é tão importante, pois permite uma relação com um profissional que poderá abrir nossa visão sobre nós mesmos.

MEDITAÇÃO

Talvez você pense que meditar é sentar na posição de lótus e passar horas e horas assim. Pode ser também, mas não necessariamente precisa ser assim. A meditação pode ser muito mais simples, como escutar um mantra antes de dormir ou caminhar em atenção plena.

A antiga prática é realmente efetiva para o autoconhecimento, pois permite ter contato com os nossos pensamentos. O grande segredo não é querer silenciar a mente. O truque da meditação é simplesmente observar, de forma passiva, como os pensamentos e seus gatilhos acontecem. Ou seja, é preciso deixar que fluam, sem identificação. É como observar tudo com imparcialidade, porém, presente e atento, notando sua pulsação e respiração constantes.

ESCRITA

Pode ser que você tenha visto este tópico e pensado: “isto não é para mim”. Muito pelo contrário. Você não precisa ser um escritor ou saber todas as regras gramaticais… o processo da escrita, como o autoconhecimento, não exige nada disso.

O que você precisa é simplesmente escrever para si mesmo, exteriorizar seus pensamentos e sentimentos sem julgamentos. Pode ser um pouco difícil no início, pois a escrita está ligada com o outro, ou seja, a comunicação de uma mensagem.

Contudo, é importante pensar que o que será escrito não será enviado para ninguém, ou seja, ninguém vai ler. Sabendo isso, a escrita fica mais livre. A prática de escrever é importante para que você possa encarar seus pensamentos, emoções e também como uma forma de acompanhar a sua evolução durante o processo de despertar do eu.

EXPERIÊNCIAS

Não há prática mais interessante do que viver novas experiências conscientes de quem somos. Mas é preciso viver realmente, com intensidade e não de forma automatizada. Uma maneira eficiente para isso é viajar sozinho.

É viajando sozinho que somos “obrigados” a estar em nossa companhia, a questionar sobre o que gostamos e o que realmente queremos fazer. É longe da influência dos amigos e pessoas conhecidas que temos o prazer de estar na solitude. Lembrando que solitude nada tem a ver com a solidão. Essa, na verdade, é a compreensão que jamais estamos só, pois somos a nossa principal companhia.

Viu só como algumas práticas simples podem ajudar na busca do autoconhecimento?  Entenda também como viajar pode ajudar a mudar a sua percepção do mundo! Até a próxima!

0 Compart.

Michel Leão 0Comentário(s)
0 Compart.

© 2018 Todos os direitos reservados

Chronus Viagens e Turismo
Av Diederichsen, 1100 Conj 22 - Vila Guarani (Z Sul)
São Paulo - SP | CEP: 04310-000
Tel.: (11) 2246-2885 / 5011-0635
E-mail: contato@chronus.tur.br